[ editar artigo]

Desejos da alma.

Desejos da alma.

Minha alma oh

minha alma

Tu vagueaste

sobre a luz da manhã

Colhestes o perfume 

das rosas

Os sorrisos das 

crianças

E ainda assim

choras

Minha alma

oh minha alma

O que queres

que te faça

Diga-me agora

ou me deixe

Sossegar

Enfim seus desejos

afloram

Nada, nada, nada

Somente te lembrei

que existe

Olha pra mim

me entenda

Fale comigo

esse e meu desejo

Canta minha alma.

 

Literatura

EternizArte
Everaldo Ferreira.
Everaldo Ferreira. Seguir

Eu sou aquele que caminha na arte da escrita. ef785997@gmail.com

Ler conteúdo completo
Indicados para você