[ editar artigo]

Aleluia

Aleluia

 

Pela sua imobilidade lhe dei vitalidade,

pela sua falta de visão lhe dei sensação,

pelo seu desequilíbrio lhe dei sensibilidade,

pela ríspida realidade lhe dei emoção.

 

O que foi tirado foi devolvido

em força e pura humanidade,

na escolha pela dignidade

fez-se a incrível graça do divino.

 

Na realização plena da vitória

a superação é êxtase e glória,

de uma voz que grita em louvor.

 

Superando o descaso sofrido

na simples explosão de um grito,

uma exclamação de alegria. Aleluia!

 

(Homenagem aos atletas paralímpicos.

Literatura

EternizArte
Helio Valim
Helio Valim Seguir

Alguém interessado em usar a poesia como uma crônica poética do cotidiano, com realismo e imaginação. Com mais de 30 anos no magistério superior tendo lecionado em Instituições de Ensino no Rio de Janeiro. Mestre em Engenharia.

Ler conteúdo completo
Indicados para você