[ editar artigo]

SINTO O QUE NÃO SEI

SINTO O QUE NÃO SEI

Querer saber demais me dissocia
Associando fatos
Queimo-me em fantasia
Iludo-me e perco a realidade sentida

Minha ponta dos dedos arde
Extremidades, mais sensibilidade
Tateando feito criança com curiosidade
Tentando me entender, faço-me partes
Racionalizo, tento segurar a verdade
Sobre todo meu sentir

Tento entender
Tento segurar
Tento, tento
Mente a queimar

Atento
Contra mim mesma

Sentir me ultrapassa

Atravessa o limiar
Entre o lógico, o óbvio
E o pulsar em meu peito:
Meu desgosto e meu anseio
Compreensões superiores à razão
Com que o escrevo
Meras tentativas o meu acervo

Sei⠀
Sei que nada sei, Sócrates
E suspeito que mesmo assim
Sinto tudo que não sei
Dentro de mim. 💭

EternizArte
Beatriz Huguenin Barros
Beatriz Huguenin Barros Seguir

Carioca, 25 anos, baixinha e de alma grande demais, para caber na razão. Faço-me entendida no sentir. Não posso ser explicada. Sinta.♡

Ler conteúdo completo
Indicados para você