[ editar artigo]

Quadro

Quadro

Toda flor que entreguei a você.

Todas elas esperançosas.

Delas ainda espero que te cativem.

Não desejo amor amargo

Nem um pouco de afago.

Só... suspiro, não há o que dizer.

Só... Só...

Só quero amá-lo quietinha aqui.

Como quem ama um quadro

daqueles raros

de um museu.

Não guardo rancor

Nem desamor

só amor.

Querido quadro,

seja belo por muitos anos.

para que daqui eu possa admira-lo

Ama-lo, e que meus olhos se tornem

testemunhas do quanto eu amei você.

Mas espero.

Oh! Como espero

que de um dia como esse claro e quente de um dia de verão.

Outro quadro me roube a atenção.

E me leve para onde eu possa correr

no corredor dos quadros que ninguém nunca olha e aspiram por

terem um afeto.

Afago

apego.

 

 

( Eu sinceramente não sei o que eu fiz aqui. rsrs.)

TAGS

amor

quadro

EternizArte
Bianca Blauth
Bianca Blauth Seguir

Alguém cujo jardim ainda está florescendo.

Ler conteúdo completo
Indicados para você