[ editar artigo]

(O)PRESSÃO

(O)PRESSÃO

Eu tô meio perdida.
Na verdade,
Acho que todo mundo está.
Olho para os lados e só vejo o caos.
Algumas pessoas me dizem para achar um Norte,
Mas eu não consigo.
A verdade é que tá tudo envolto nessa neblina
Que fica mais espessa a cada dia que passa.
Não consigo encontrar um Norte,
Nem um Sul,
Nem um leste,
Nem um oeste.
Parece que todos os pontos cardeais estão escondidos,
Envolvidos nessa névoa que está se instalando.
Gostaria eu de dizer que aos poucos,
Mas isso seria muito otimista de minha parte.
Prefiro ser realista
E aprender a lidar com o peso da verdade.

Bom...
O que resta é me colocar de pé,
Erguer a cabeça,
Pegar os privilégios que me foram dados 
E ir para o campo de batalha.
Ajudar aqueles que estão na linha de frente.
Aqueles mesmo,
Que estão na base
E acordam cedo pra fazer esse mundo funcionar.
Aqueles que trabalham duro pra cuidar do lar.
Aqueles que não tem um teto.
Aqueles que dão a cara a tapa.
Aqueles que muitas vezes não são considerados gente.
Aqueles que tem suas terras invadidas pela ganância.
Aqueles que tem sua fé ridicularizada.
Aqueles que recebem olhares tortos por serem "diferentes".
Aquelas que tem a voz
E muitas vezes o coração silenciado,
Atingido pela bala da impunidade.
Aquelos que são vistes como aberração
Por quererem ser tratades como bem se sentem
E não pelo que dizem que é correto.
Aqueles que batem no peito e assumem quem são,
Mas que também se cansam com tamanha (o)pressão.
Aqueles
Aquelas
Aquelos 
jogados à margem.
Aqueles que clamam por justiça
Num país onde a injustiça veio do berço.

E é com eles que eu vou gritar!
Gritar mais alto a cada vez que tentarem me calar.
Mostrar pro mundo que um limite deve haver,
Mostrar pros arquitetos desse caos
Que nossa voz eles não podem mais conter.
Acho que esse é o único jeito de lidar com a situação atual.
O único jeito de lidar com esse labirinto de ignorância,
Brutalidade
E descaso.
O único jeito de responder a altura
Aquele que tem a coragem de olhar de cima
Todo o sofrimento
E falar 
"E daí?"

#Poesia   #Concurso   #Eternizarte

Ler conteúdo completo
Indicados para você