[ editar artigo]

Eu te amo, desde que...

Como você pode duvidar que TE AMO, se eu sempre afirmo isso quando te vejo e mesmo quando não te vejo nem te sinto?

Eu te amo desde que você não me pergunte nada sobre meu mundo;

Eu te amo desde que você não me sufoque com sua presença em mim;

Eu te amo desde que eu possa também amar outras pessoas;

Eu te amo desde que você não me peça nada em troca;

Eu te amo desde que você não me cobre presentes;

Eu te amo desde que você não me cobre atenção;

Eu te amo desde que você não me cobre carinho demasiado;

Eu te amo desde que você não me faça sentir medo, raiva ou incerteza;

Eu te amo desde que você não me faça perguntas indiscretas;

Eu te amo desde que você respeite todos os meus cantos e recantos;

Desde que você não invada meu espaço físico nem virtual;

Desde que você não reclame do que eu vejo, ouço, visto, como ou bebo;

Eu te amo desde que você não levante suspeitas sobre mim;

Eu te amo desde que você não sinta nada além de seu amor por mim;

 E desde que esse amor seja da forma e do tamanho do meu desejo e somente quando eu desejo;

Eu te amo desde que o seu desejo não seja nem maior nem menor que o meu;

Eu te amo apenas para eu saber que eu sou capaz de amar alguém e assim eu não me sentir nem estranho, nem egoísta, nem sozinho;

Eu não te amo apesar de tudo nem somente por você ser apenas você mesmo;

Eu já nem lembro mesmo porque te amo;

Nem sei mesmo se eu te amo, mas, na dúvida e apenas para não perder esse sentimento, digo que te amo!

Ler conteúdo completo
Indicados para você