[ editar artigo]

CREIA

CREIA

Que a vida é cheia de armadilhas

E que o amor aparece de repente,

Pode ser uma brasa incandescente

Surgindo em pequenas fagulhas…

Creia

Que não há um vazio profundo

Pois existe alguém que te quer

Escondida num canto do mundo

E irá preencher todo o teu ser

Creia

Que nada existe ao acaso

Tudo tem um lugar no universo

Assim, como a rima e o verso

Nunca junte-se ao descaso

Creia

Que estar vivo vale a pena

Viva as emoções a pleno

Faça a diferença para alguém

Seja querido e queira também!

 

Márcio Paz Martins

Ler conteúdo completo
Indicados para você